UPAE do Arruda realiza evento de conscientização sobre o Diabetes

Gostou? Compartilhe com seus amigos.

upae-arruda-geral.jpg

O próximo dia 14 (quarta-feira) marca o Dia Mundial do Diabetes, uma campanha global de conscientização sobre a prevenção da doença e cuidados com os pacientes. Para marcar a data, a UPAE do Arruda (Deputado Antônio Luiz Filho) organizou uma programação especial, voltada para o conhecimento do diabetes (prevenção, tratamentos, sinais e sintomas). “Nossos especialistas vão dar orientações para usuários, acompanhantes e funcionários”, ressalta a coordenadora geral do UPAE, Adriana Bezerra. 

No ambulatório de endocrinologia, a unidade realiza 420 atendimentos por mês. Destes, cerca de 60% têm diabetes. A programação contará com as seguintes especialidades: endocrinologia, nutrição, enfermagem e, ainda, realização de HGT (medida da glicemia), orientações medicamentosas e de administração de insulina. 

Diabetes - Endocrinologista da UPAE do Arruda, Taciana Cavalcanti, fala sobre o diabetes, doença que se caracteriza pela deficiência de produção e/ou ação da insulina. “A diabetes é dividida em dois tipos: 1 e 2, sendo que a do tipo 1, acomete mais crianças e adolescentes e está muito relacionada com a falta de insulina. Já o tipo 2 está mais ligada aos maus hábitos de vida, como sedentarismo, alimentação desregulada, tabagismo e outros”, esclarece. 

Para quem tem histórico familiar, a avaliação da glicose deve ser feita, ao menos uma vez ao ano, a partir dos 25 anos. Para as outras pessoas, o ideal é fazer um check up anual, a partir dos 40 anos de idade. “Com relação às mulheres, em geral, os exames são solicitados pelo ginecologista, nas consultas regulares. Já os homens têm mais resistência para procurar um médico, daí a importância dessas campanhas de conscientização”.

A endocrinologista ressalta ainda a importância de manter bons hábitos como: alimentação saudável, praticar exercícios físicos regularmente, não fumar, beber moderadamente. Durante o evento, Taciana falará ainda sobre sinais e sintomas do diabetes. “Trata-se de uma doença com múltiplas consequências. O diabetes é a principal causa de amputação não traumática. Pode trazer também complicações cardiovasculares (infarto, derrame), acometimento dos rins, entre outros problemas sérios. Por isso, precisamos investir na prevenção, mas também no tratamento de quem já tem a doença”, afirma.  

Programação

8h15 – Orientações nutricionais com a nutricionista, Silene Veras. 

8h30 – Sala de Espera com a médica endocrinologista, Taciana Borges Cavalcanti.

8h30 – Orientações de cuidado com a pele do diabético. Palestra da enfermeira estomaterapeuta, Graciely Castro. 

A partir das 9h30 – Realização de HGT (teste de glicemia), com a equipe de Enfermagem. 

13h30 – Sala de Espera com a médica endocrinologista, Patrícia Mesquita. 

13h45 – Orientações medicamentosas e de administração de insulina.

Avenida Cruz Cabugá, 1597, 50040-000, Santo Amaro - Recife - PE
Ligue: (81) 3217-8000
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Redes Sociais